Homem mulher

O homem Virgem e a mulher Sagitário têm as maiores probabilidades de viver uma bonita história de amor, se ambos fizerem algumas cedências. Estes dois são tão diferentes que, por vezes, chegam a ignorar-se quando se conhecem. A atração é algo que só chegará depois de algum tempo. Homem tentou estuprar mulher no metrô de Nova Iorque Foto: Reprodução. Uma cena inusitada aconteceu na estação de metrô de Lexington Avenue, em Nova Iorque, nos Estados Unidos, durante o fim de semana. Um homem jogou uma jovem de 25 anos no chão e tentou estuprá-la em plena luz do dia. O mais impressionante é que as pessoas em volta ... Mulher é feita refém em lanchonete Foto: Reprodução. Nesta sexta-feira (4), um homem armado com uma faca fez uma mulher de refém dentro de uma lanchonete na Tijuca, bairro da Zona Norte no Rio de Janeiro. De acordo com o filho da vítima, o homem é namorado da mulher e teria saído da cadeia recentemente. Homem Procura Mulher Anuncios Gratis Encontros. Os cookies ajudam-nos a fornecer, proteger e melhorar os serviços. Ao continuar a usar o nosso site, você concorda com a nossa Política de Cookies . Uma mulher de 42 anos foi espancada dentro de um motel, na Vila Aimoré em Campo Grande, depois de conhecer um homem pelo Facebook, nesta terça-feira (11), em Campo Grande. Ela procurou a Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher) para registrar um boletim de ocorrência. Homem ameaça a mulher com facas e forquilha Um homem, de 61 anos, foi detido pela GNR, na segunda-feira, por ter ameaçado de morte a companheira com facas e uma forquilha em Vila Pouca de Aguiar. No mesmo dia, em Matosinhos, a PSP deteve um homem, de 47 anos, no âmbito de um processo por violência doméstica. Um homem de 55 anos espancou e matou a tiro a mulher, 53 anos, até à morte em Oliveira de Frades, Viseu, esta quinta-feira e fugiu com o filho de 10 anos. Durante a fuga de carro, o agressor acabou por se atirar de uma ribanceira e não resistiu aos ferimentos. A criança está em estado considerado grave.

Federação Eristocrática

2018.11.16 16:21 Jo11yR0ger Federação Eristocrática

Cada homem, mulher e criança é um papa!
[link]


2019.04.19 15:11 AlulimOfEridu Pílula Vermelha

Comunidade em português baseada na de língua inglesa "The Red Pill". A sociedade moderna, por inúmeras razões, trouxe uma grande mudança na dinâmica sexual entre homens e mulheres. Em analogia à pílula vermelha do filme Matrix, esse sub se propõe a esclarecer como quase tudo que fomos ensinados em relação à essa dinâmica sexual pelos nossos pais, TV, etc. está errado, como isso prejudica o homem moderno, e como sair desse buraco.
[link]


2015.08.24 07:20 abrazilianinreddit Pegação Brasil -- /r/br4r

Quer uma companhia para a noite, para a semana ou para a vida toda? Talvez você encontre no reddit! Talvez não! Mas não custa tentar. E estamos aqui para isso. Seja uma pegação leve, um encontro casual, um amigo com benefícios, namoro, casamento, ou apenas uma amizade, este é o subreddit para brasileiros que querem uma companhia.
[link]


2020.09.20 11:34 hfufdybde A vida e direito dos homens

Vou fazer me desabafo aqui. Tenho visto ao decorrer ao longo da minha vida como é difícil a vida dos homens. Quanto mais velhos ficam, mais sozinhos. Se reparar a sua volta, verá vizinhos, parentes e amigos nessa mesma situação. Depois de uma separação, o homem fica sem rumo, pois a sociedade tende ser mais acolhedora com as mulheres, tendo visto que a maioria dos mendigos são homens. Como disse, depois de uma separação, o homem fica perdido, já as mulheres conseguem se reerguer com poucos meses. Talvez seja a natureza mudando as coisas, ou apenas virá tempos muito difíceis pela frente. Pois toda ação, tem uma reação!
submitted by hfufdybde to desabafos [link] [comments]


2020.09.20 04:38 MeliaDanae DILEMA: Quem tá certo: o homem ou a mulher???

DILEMA: Quem tá certo: o homem ou a mulher??? submitted by MeliaDanae to brasilivre [link] [comments]


2020.09.20 03:36 IndicationFar Mãe...PQ???

Mano é lindo como em um dia sua vida esta normal e de um dia pro outro ela vira um inferno, bem, isso aconteceu comigo nesses últimos meses.
Basicamente minha família toda é cristã já que desde de pequenos meus pais,tios e avos foram ensinados e guiados para o cristianismo.
Ai nasceu eu um lindo filho de satã kkkkk, eu sou ateu, pansexual e um fudanshi, pra quem não sabe oq é eu leio mangás de homens em um relacionamento gay.E a alguns meses minha cara mãe pegou meu celular e viu aberta as guias de um mangá, para ser mais especifico era o mangá "Sign", ele é repleto de putaria, ela viu e começou a que papo de:
M: " você agora é gay",
Eu:" lógico que nn né mãe"
M: Filho Deus não gosta dessas coisas ele fica triste, seu anjo da guarda esta chorando pois o demônio esta zombando dele pois ele fez vc desviar dos seus caminhos cristãos... e etc.
Desde então eu não tenho privacidade e ganhei 3 meses de castigo e como bônus um culta inteiro sobre...
M:" Deus não fez homem para ficar com homem e mulher para ficar com mulher, o sexo anal é nojento lá é sujo, duas mulheres não tem nem oq encachar bla bla bla"
é serio até quando isso vai continuar, isso pq quando eu ira me assumir literalmente um dia antes eu vi ela e meu pai falando de como os gays estão estragando o mundo e como eles fazem todo mundo seguir esse moda agora.
Eu agradeço que não sou mente pequena e nem sou como eles.
submitted by IndicationFar to desabafos [link] [comments]


2020.09.19 19:01 CorvoDoPoe Uma referência a Curse of Strahd em outro módulo de D&D (spoilers?)

Eu mestro duas mesas distintas, porém ambas são do mesmo módulo, Waterdeep: Dragon Heist (o módulo tem mais de uma forma de poder se mestrar, então as duas campanhas ainda acabam sendo diferentes), e eu me deparei com essa referência bem sutil que quase me passa despercebido enquanto preparava a minha sessão de amanhã.
O Capítulo 4 tem um sistema de "cadeia de encontros" (encounter chains), onde existem dez encontros que os jogadores irão passar em busca do item da história, mas a sequência e especificidade dos encontros varia de acordo com a forma que você optou mestrar. Um deles, o Encontro 6: Teatro, tem uma referência ao Strahd e sua trajetória de se tornar um vampiro. Não são mencionado nomes, mas a narrativa é bem semelhante.
Na versão de Inverno do Encontro 6, na subparte "Serpentes na Casa", é dito que uma peça de teatro está sendo apresentada, chamada de Casamento de Sangue (Blood Wedding). É dito sobre a peça (spoilers da história de Strahd):
>! "Na história, uma jovem mulher é levada a um castelo por um conde, até que ela se apaixona por seu irmão mais jovem, um homem de fé. A traição dela consome o conde ciumento. Ele assassina seu irmão no dia de seu casamento e persegue a noiva, que se joga das ameias do castelo em desespero. O conde é amaldiçoado pelos deuses e transformado em uma criatura de escuridão, condenado a viver em seu castelo e se alimentar de sangue."!<

Uma pena que meus jogadores são novatos demais para pegarem a referência, mas isso é o tipo de coisa que se nota apenas lendo o módulo pra preparar ele, e esse módulo me surpreendeu tanto com coisas pequenas e interessantes que poderia escrever muito mais sobre.
submitted by CorvoDoPoe to rpg_brasil [link] [comments]


2020.09.19 18:15 1984stardusta Homem que se identifica como mulher incita esquartejamento de uma mulher de verdade porque ela não escreve o que ele quer ler.

Homem que se identifica como mulher incita esquartejamento de uma mulher de verdade porque ela não escreve o que ele quer ler. submitted by 1984stardusta to Brasilivrelivre [link] [comments]


2020.09.19 16:41 HanSolo100 Vale E Azevedo - A ascensão e a queda de um Anti-Herói

Começo este post para falar de uma personagem que não é capaz de deixar ninguém indiferente pelos adeptos do nosso clube, falamos pois claro de João Vale E Azevedo (JVA).
Antes de começar o post permitam-me começar por apresentar-vos a definição de um anti-herói.
"Anti-heróis são personagens não inerentemente maus que, às vezes, praticam atos moralmente questionáveis. Contudo, algumas vezes é difícil traçar a linha que separa o anti-herói do vilão. No entanto, note-se que o anti-herói, diferente do vilão, costuma obter aprovação, seja através de seu carisma, seja por meio de seus objetivos muitas vezes justos ou ao menos compreensíveis, o que jamais os torna lícitos. A malandragem, por exemplo, é uma ferramenta tipicamente anti-heroica."
Esta descrição acaba de certa forma por demonstrar na perfeição aquilo que Vale E Azevedo foi enquanto presidente do Benfica.
Ao contrário daquilo que a cartilha do sistema Vieirista hoje pretende fazer-se passar o antigo presidente do Benfica não era o vilão, mas sim um anti-herói que apesar dos seus imensos defeitos era alguém a quem lhe gabo a virtude da coragem, de olhar de frente para os inimigos e que jamais baixava a cabeça na altura de os enfrentar. Alguém que apesar de tudo queria singrar e vencer mesmo face a uma herança miserável deixada por Manuel Damásio, o principal destruidor do Benfica que todos nós conhecemos.
Eleito em 31 de Outubro de 1997 com 51,5% dos votos Vale E Azevedo prometeu uma revolução gigante no mundo do Benfica, com várias promessas que chegaram a ser cumpridas e outras que nem tanto. A primeira delas todas foi o rompimento do contrato com a OliveiraDesportos, também conhecida por ser a empresa central do sistema.
Vale E Azevedo foi alguém que lutou arduamente contra os poderes de gente ligada a Joaquim Oliveira e à sua empresa que como todos sabemos, tinham intenções duvidosas para com o Benfica, o único presidente dos 3 que defendeu com todas as forças os interesses do Benfica para com aquele que foi um dos dinamizadores da década de domínio para o Porto.
E realidade é que este homem conseguiu meter a existência do sistema em perigo, sendo que esta luta acabou entre ameaças que acabaram por estender até à sua própria família onde a própria mulher e filhos se incluem.
Mas desengane-se quem pensa que as virtudes de João Vale E Azevedo apenas se limitavam à vida política. Em Janeiro de 1998 contra todas as expectativas e em pleno Vietname eis que consegue sacar um craque internacionalmente conhecido e consagrado, um jogador que esteve na alta roda do futebol mundial e que jogava numa das melhores equipas do mundo, um jogador que ficou em 10º lugar para a bota de ouro mundial uns anos antes. Falamos claramente de Karel Poborsky.
Eis que uns meses após a eleição Vale E Azevedo dá uma cartada de génio, apenas e só meses após ter sido reeleito. A sua contratação é algo que com Damásio nunca teria sido possível e apenas foi através de uma cartada de um visionário como Vale E Azevedo.
Nos seus 3 primeiros anos os resultados infelizmente escasseavam e a realidade é que enquanto o clube sofria as derrotas a realidade é que JVA se viu numa situação pouco agradável face aos anos em que o clube tendia em não vencer, pois os vestígios deixados por Manuel Damásio eram demasiado notórios face à situação que o clube passava. A acrescentar a isto também o facto de as competições europeias não terem o mesmo tipo de prémios que existem hoje em dia para saldar as dividas que na altura eram imensas. O que também acabou por não ajudar foram as várias artimanhas que o levaram a tirar dinheiro do clube para investimentos duvidosos, um pouco à semelhança daquilo que acontece com o atual presimente, Luís Filipe Vieira.
Entre 1999 e 2000 dois pontos altos na presidência de JVA sendo o primeiro a constituição de uma SAD que foi unanimemente aprovada pela larga maioria dos sócios e a segunda outra que perdura ainda hoje que marca o inicio das obras do centro de estágios do seixal no qual lançou a primeira pedra. Dois pontos que partiram da visão de um presidente hoje visto como um bicho papão.
Também surgem os planos para uma nova catedral mais moderna e mais à imagem daquela que vemos hoje em dia.
https://em-defesa-do-benfica.blogspot.com/2017/10/ja-fui-infiel.html
Mas avancemos até Setembro de 2000.Após a saída atribulada de João Vieira Pinto que foi uma das más decisões do seu reinado e a resignação de Jupp Heyckes, Vale E Azevedo decide fortemente apostar num nome que viria a mudar o futebol daquela década.
Falamos naturalmente de José Mourinho, o treinador escolhido pela direção benfiquista naquela altura.
Mourinho viria não só a conquistar o seio da equipa como os seus jogadores após imensos anos e a realidade é que pela luz já se sonhava um futuro risonho que se avizinhava sob comando do "Special One" que empolgava as bancadas e que conseguia fazer já muito com as peças limitadas que tinha.
A guerra nos tribunais com a Oliveira se avizinhava até ao fim e em desespero recorre a dois homens para tirar de lá aquele que estava até à data a ser o maior inimigo.
Vilarinho surge na linha da frente para fazer parte da cabala e Luís Filipe Vieira surge numa segunda para depois tomar controlo do clube.
E quando todos pensavam que a coisa iria finalmente endireitar-se, eis que Vilarinho vence contra todas as expectativas enganando tudo e todos. Após 3 anos, o sistema finalmente voltou a tomar as rédeas do maior clube português.
Vilarinho não apenas sabota a época em andamento do Benfica ao aproveitar-se do ultimato de Mourinho para o despedir e ir buscar Toni como quebra por completo a promessa de trazer Mário Jardel, que acabara mais tarde no Sporting.
Os planos para remodelação do estádio saem gorados por força de vontade do sistema que queria a todo o custo a implementação de novos estádios dos 3 grandes para o Euro 2004.
E como se não bastasse traz aquele que era até à data o homem de confiança de Pinto Da Costa, o homem que desviou Deco e Ovchinikov do Benfica para o Porto e titulou o Benfica como "clube de merda" anos antes.
Vilarinho sai sem qualquer título conquistado e cede a presidência a Vieira em 2003 e a escuridão finalmente apodera-se do clube. A dragartização do Benfica estava completa sendo o Benfica invadido por dragartos.
Em 17 anos o Benfica conquistou um total de 7 campeonatos enquanto que o Porto nos mesmos 17 conquistou 10, a acrescentar a isto os 5 troféus europeus dos quais 2 deles foram conquistados com aquele treinador que foi um dia uma aposta pessoal de Vale E Azevedo.
No meio de tantas humilhações sofridas pelas mãos do Porto seja na luz ou no dragão, Vieira consegue também perder 2 campeonatos em 3 para um clube falido e intervencionado pela UEFA, algo inédito em toda a história do clube.
Vieira consegue mais uma vez consolidar o seu lugar na história do Sport Lisboa E Benfica como o pior presidente de sempre e aquele que mais prejudicou o Benfica.
E é para terminar este post que volto a repetir.
Vale E Azevedo ao contrário daquilo que as pessoas dizem não foi um vilão, mas sim um anti-herói, alguém que tentou meter a justiça nas próprias mãos com a intenção de uma certa forma vir a singrar nas suas funções.
Vilarinho e Vieira foram os verdadeiros vilões desta história que hoje em dia saem pelos pingos da chuva, duas personagens vilanescas e malfeitoras que destruíram por completo aquilo que o Benfica podia ter sido e foram alimentando ao longo destes anos todos a corja do Norte.
Vieira é sem sombra de dúvidas o pior presidente da história do clube.
E fazendo jus às palavras de JVA meses antes de perder as eleições em 2000:
"Vale e Azevedo: «Se saísse agora, era o caos»"
E foi...
submitted by HanSolo100 to benfica [link] [comments]


2020.09.19 14:53 TezCalipoca A ignorância é uma bênção

A ignorância é uma bênção. Não sei se alguém já cunhou essa frase antes, mas cada vez mais consigo perceber o quão verossímil ela é.
Não me refiro a ignorância bruta, à forma humana agressiva e violenta, de tratar das coisas sem conhecimento. A ignorância de não saber o que aconteceu com o computador e tentar consertar através de golpes na máquina. A ignorância de um homem que é incapaz de compreender a liberdade e a independência de uma mulher e com isso, parte para agressões, como maneira de justificar a posição superior que supõe estar.
Falo de uma ignorância intelectual. De uma falta de interesse sobre o mundo. Até mesmo de uma falta de ambição. Uma despreocupação com o futuro, com o que se passa em Brasília, com qualquer outra coisa que não seja o agora. Grande parte da população brasileira (quiçá latino-americana) se encontra nesse âmbito da ignorância.
Essas pessoas não possuem grandes metas de vida. Normalmente, no caso masculino, a grande preocupação, o grande sonho, é possuir um carro. Não precisa ser um carro completo, não tem problema pagar 72 prestações de R$500,00. O importante é ter um carro para chamar de seu, que possa usar nos fins de semana, ou quando quiser “dar uma banda”, como se diz por esses rincões gauchescos.
Até mesmo o carro pode ser algo simples. Afinal, o Gol caixa de 1992 é estiloso. Esses homens, que denomino aqui como ignorantes (e veja bem, não me cancele antes de entender o significado e a razão pela qual uso dessa nomenclatura!) almejam, simplesmente, um carro. Trabalham suas oito horas por dia em fábricas, lojas, mecânicas, eventualmente escritórios, com seu salário em torno de R$1.700,00 por mês. Não precisam de mais do que isso. É o suficiente para pagar as prestações do financiamento, os boletos de água, luz, internet e da TV a cabo que não usa. Até consegue fazer sobrar um dinheiro para sair beber uma cerveja com os amigos no fim de semana, ou ir em uma “baladinha pegá as mina”. Ou para tornar esse texto mais próximo da minha realidade geográfica, “pra pegá muié”.
Qual é a meta desses homens, após conseguir seu carro? Investir em uma educação, para poder ter um emprego melhor e que lhe seja mais aprazível? Preparar-se para viajar para lugares diferentes do mundo? Abrir um empreendimento? Não. O homem ignorante não tem ambição, não tem a capacidade de planejar. Para ele, alcançado o seu sonho de ter um carro com 24 anos de idade, é hora de seguir com a vida.
Muitos passam mais alguns anos usando o salário para fazer investimentos. Mas não em ações, negócios ou educação. Investimento no carro. Rodas, som, estofamento de couro, qualquer coisa é suficiente para que o homem ignorante queira usar seu suado dinheiro para fazer seu Kadett 1988 ficar mais atraente, mais potente, mais bonito. Outros homens, porém, não sentem tanta atração assim pelo seu carro. Que fazem então com seu salário? Usam com sua namorada.
A namorada. A mulher. Todo homem ignorante quer ter uma companheira. Não significa que ele seja fiel a ela, ou que ele a ame de verdade. O mesmo talvez seja verdade para com a mulher. O homem ignorante quer uma mulher porque para ele, somente assim ele poderá ter uma família. Mas que tipo de mulher iria se interessar por esse tipo de homem?
A resposta é muito simples. A mulher ignorante. Assim como sua contraparte masculina, ela também não tem ambição, não tem metas, não tem planos. Findo o Ensino Médio, com sua gloriosa festa de formatura, momento mais alto de sua vida, onde está embebida do carinho (nem sempre verdadeiro) de suas amigas. Onde recebe elogios pelo simples fato de respirar. Onde sente que alcançou uma conquista deveras relevante – e que talvez realmente o seja, se considerarmos o contexto da mulher ignorante.
Após esse apogeu da sua juventude, a mulher ignorante segue o mesmo caminho do homem ignorante. Algum trabalho simples, com pouco esforço intelectual, em lojas, supermercados, eventualmente como secretárias ou recepcionistas. Ninguém quer lhe oferecer uma função melhor. Ela não quer uma função melhor.
Qual o sonho dessa mulher ignorante? Ao contrário do homem, não é algo que se materializa em um carro. É algo maior: uma família. Em cidades interioranas, a forte presença de ideários machistas ainda faz as mulheres sonharem em ter um casal de filhos e um marido, em um casamento onde dificilmente haverá amor. Mais justo dizer que há uma obrigação nesse casório. Não querem ter suas vidas, seus sonhos, seus projetos. Querem apenas um lar para cuidar.
É nesse momento que os dois ignorantes se encontram e assim, dão início a sua longeva vida como casal. Talvez se conheçam em uma festa genérica. Talvez se conheçam nas redes sociais, com uma conversa genérica. Talvez sejam apresentados por amigos em comum, também genéricos. Independente de tudo, os ignorantes se encontram e começam sua vida ignorante de maneira conjunta.
Aos poucos os filhos nascem. Normalmente os ignorantes querem um casal de crianças, para que o guri seja educado pelo pai e a guria pela mãe. Assim como seus progenitores, esses pequenos também serão ignorantes, também herdarão essa falta de ambição, de visão, de planejamento.
Mas não vamos nos adiantar. Antes, vamos analisar o casal ignorante. Muitas vezes as amarras machistas se mantem nesses casais, onde a mulher assume o papel de dona-de-casa, como isso função natural feminina. Mas existem casos – muito mais movidos pela necessidade material – onde ambos trabalham. De qualquer forma, a rotina da família é sempre a mesma. As crianças estudam, pai e mãe trabalham. Às vezes há a visita de familiares, primos e tios igualmente ignorantes. As férias, no máximo, consistem em viajar para uma praia. E durante todo o tempo, a família ignorante vai para a mesma praia e faz a mesma coisa. Sentam-se na areia olhando para o nada, bebendo cerveja e mexendo no celular. As crianças, como lhes é próprio da infância, aproveitam para brincar no mar. A imaginação faz com que qualquer grão de areia possa ser único e divertido à sua maneira.
Mas as crianças viram adolescentes. Adolescentes ignorantes. Não há um interesse em estudar, a maior preocupação são as fofocas dos amigos (e dos inimigos) e dar uns beijos, eventualmente. Pai e mãe não fazem essa cobrança dos estudos. Afinal, única coisa que importa é passar de ano. Para que exatamente, não se sabe, mas é importante.
Durante toda essa existência familiar, esse homem, essa mulher e essas crianças ignorantes não almejam nada que esteja fora do alcance. Talvez não saibam da possibilidade disso. São facilmente maleáveis pelos fluxos constantes da sociedade, em suas vertentes sociais e políticas. O pai não entende nada de economia, mas sempre dá sua opinião infundamentada sobre alguma coisa. Normalmente leva em conta o que alguém lhe disse em uma mesa de bar. A mãe, se quer se preocupa com esses assuntos. À mulher ignorante lhe interessa apenas a fofoca, a intriga, os assuntos mundanos próximos da sua realidade. O arroz está caro? Que pena, mas sabia que a tia da Neusa, que era casada com o Robson, agora se casou pela terceira vez, dessa vez com um paranaense?
E os adolescentes ignorantes? São esponjas de ondas políticas e sociais, nem sempre com boas intenções. Quantos por aí sequer abriram um livro na vida? Não possuem nenhum senso de cultura a não ser aquilo que a massa consome. Tom Jobim? Legião Urbana? Djavan? O que lhes interessa é o MC alguma coisa, a dupla sertaneja de nomes genéricos, no máximo alguma cantora pop de renome internacional, como uma Anitta.
Ainda assim, essas pessoas são felizes. A maior preocupação é o entretenimento. O homem ignorante só quer sair nos fins de semana com seus amigos beber cerveja, comer carne e assistir ao jogo de futebol. Mesmo depois de casado, sua maior preocupação continua sendo o futebol e uma eventual bebedeira com seus amigos. A mulher ignorante, mais limitada ainda, só se preocupa com a vida dos outros. Nada lhe deixa mais feliz do que se reunir com suas amigas para conversar sobre a vida das vizinhas. Não há satisfação maior na vida.
E aqui venho novamente dizer que a ignorância é uma bênção. Por quê?, talvez você me pergunte. Afinal, após toda essa crítica a esse lifestyle dos ignorantes, como posso afirmar que isso é uma bênção?
Certa manhã, estava eu, estudando, como tenho feito nos últimos meses. Após estudar o que havia planejado, decido ouvir um pouco de música. Minha criação não foi a mesma de uma pessoa ignorante. Desde criança, minha mãe sempre me incentivou a estudar. Quando eu tinha cinco anos, ela me comprou uma Revista Recreio. A partir daí, desenvolvi um grande interesse pela leitura, pelo conhecimento. Paleontologia, arqueologia, história, até mesmo a criação geológica do planeta, tudo isso me fascinava e me instigava a ir atrás de explicações, de respostas.
Mas estou divagando. Voltemos à música. Meu gosto musical, não sei como foi desenvolvido, mas é um tanto, digamos exótico. Sou um grande aficionado por estilos musicais que não são muito ouvidos pelos rincões do Rio Grande do Sul, onde vivi minha adolescência e meus primeiros anos como adulto. Tango, salsa, jazz, blues, bossa nova, só para mencionar alguns. É claro, não quero dizer que sou um erudito, até porque também gosto de ouvir estilos musicais mais populares.
O ponto que quero tratar aqui, é que nessa manhã, após os estudos, decido ouvir um tango, enquanto me arrumava para sair. A elegância e a qualidade musical me deixaram estupefato de maneira única e logo comecei a refletir sobre meu futuro e como adoraria, em alguns anos, visitar novamente Buenos Aires.
Logo que penso nisso, vejo o que tenho feito da minha vida. Quantas preocupações, ânsias, tormentos não tenho passado por conta do futuro? Em pensar se terei sucesso no que almejo? Não pretendo compartilhar meus sonhos, mas com certeza é algo muito mais grandioso (é claro que é relativo, mas me refiro no sentido de esforço) do que um simples carro.
Pensar em quanto eu e tantos outros, que estão fora dessa categoria de ignorantes, se preocupam com essas questões, me deixou reflexivo. Basta ver a quantidade de pessoas ansiosas no Brasil. Ansiosas por esses mesmos temores: será que terei sucesso? Será que conquistarei o que almejo? Será que vai dar tudo certo? Preocupações essas que os ignorantes não possuem. Afinal, a cerveja da sexta-feira é garantida.
É claro, os ignorantes ainda se preocupam em quem sabe perder o emprego. Mas normalmente, seus trabalhos não requerem muito esforço. Os ignorantes só querem receber o salário, sem se preocupar em buscar uma posição melhor, uma renda melhor.
Com isso concluo que a ignorância é uma bênção. A ignorância lhe permite ter uma vida feliz. Uma vida simples, sem variar muito, mas sem dúvida feliz. Uma vida protegida das hostilidades do mundo, uma vida abençoada, pela ignorância. Através desse véu que ilude e que engana, os ignorantes são satisfeitos.¹
¹É claro que existem inúmeras questões sociais em torno do que compõe os ignorantes. Educação fraca, ausência de ações sociais, pobreza, enfim. Mas o propósito desse devaneio, não é questionar esses problemas, ou sequer apontar as consequências dessa ignorância intelectual. É refletir sobre como a vida é simples para aqueles sem conhecimento. Se você considera como boa, ou ruim, depende de você.
submitted by TezCalipoca to desabafos [link] [comments]


2020.09.18 19:12 coroinhavirus Uma mulher fez um comentário machista sobre outra mulher. Então é melhor culpar alguém que nem foi citado na história toda: um homem.

submitted by coroinhavirus to brasil_drama [link] [comments]


2020.09.18 13:35 azulvermelho Algum homem treina glúteos na academia?

Eu só vejo mulher treinando e fico com receio de treinar. Alguém aí treina glúteos? É mal visto? Tem um que você coloca a barra com peso perto da região abudotrae sobe e desce e só vi mulher fazendo. Homem faz tbm?
submitted by azulvermelho to brasil [link] [comments]


2020.09.18 12:20 Min_Hee Sou babaca por não contar que sou LGBTQI+?

Olá queria desabafar sobre minha dificuldade em *sair do armário ", tenho 14 anos e sempre fui ensinada que ser da comunidade LGBTQI+ era ruim pois eu iria pro inferno ( eles usavam a desculpa da religião e que a mulher foi feita pro homem), quando eu estava no sétimo ano eu comecei a gostar de uma garota ( vou chamar ela de Carls) só que eu tinha medo de contar pros meus pais que eu gostava da Carls então menti e falei que gostava do Varls que era um menino que praticamente quase todas as meninas gostavam, só que quando fiquei mais velha meus pais começaram com uma conversa de que tudo bem ser lésbica ou gay( só que não poderia beijar a garota ou garoto na frente deles) o problema mesmo era ser bisexual pq o Bi era indeciso e coisas desse tipo, o "problema" é que eu sou Bi e so meus amigos sabem, eu quero contar pra eles pq me sinto culpada de certa forma mas tenho medo deles não aceitarem.
submitted by Min_Hee to desabafos [link] [comments]


2020.09.18 06:09 Red_Hobgoblin Eu não gosto de lembrar do primeiro ano do meu filho porque sinto que falhei com ele

Hoje eu tava conversando com minha mulher sobre quando meu filho tinha apenas 1 ano de idade. Hoje ele tem 2 e meio, e sempre que tocamos nesse assunto eu me sinto mal porque sinto que falhei com ele.
Vejam bem, eu sou homem e tenho 27 anos, meu filho não foi resultado de um plano, o que não quer dizer que eu não o ame nem nada do tipo, pois ele é a coisa mais importante da minha vida, mas quando ele nasceu eu estava em um subemprego [3 subempregos, na verdade], trabalhava o tempo todo, ganhava pouco e quando não estava trabalhando, estava estudando pra faculdade/concurso. Eu estava sempre cansado e estressado. Então minha mulher arrumou um trabalho também, e o meu filho tinha uns 8 meses de idade. Nesse ponto da história, eu larguei um dos meus 3 trabalhos pra poder cuidar dele enquanto ela estivesse trabalhando, mas continuava exaurido, porque, como vocês devem imaginar, cuidar de bebês é bastante cansativo e eu continuava tendo outros 2 empregos e faculdade.
E a verdade é que, durante esse período em que eu passava a maior parte do dia com ele, eu não estava lá de fato. Quer dizer, eu estava presente fisicamente, mas brincava muito pouco, conversava muito pouco e meio que só tava no piloto automático, cumprindo com a minhas obrigações minimas.
Hoje eu sinto uma culpa monstruosa por isso e por mais que eu faça de tudo pra compensar por essa falha, sendo presente, atencioso e um pai de fato eu me sinto extremamente triste, porque sei que eu nunca poderei consertar isso, pois ele nunca mais terá um ano de idade. Ele precisava da minha presença naquele momento e eu deixei o cansaço me vencer e não estive lá, estar presente hoje não completa minha ausência no passado.
submitted by Red_Hobgoblin to desabafos [link] [comments]


2020.09.18 05:17 quantumsnakeoil Devaneios sobre minha solidão e sexualidade

Escrevendo isso depois de terminar de escrever essa enxurrada de palavras abaixo. Meu desabafo tem um ponto, mas não uma conclusão aparente.
Me sentindo solitário. Sou homem, bissexual e fora do armário. Queria conhecer mais homens como eu e poder conversar sobre nossa sexualidade. Tenho várias amigas bissexual e apesar de me sentir mais confortável com elas que em volta delas que de héteros e gays os conflitos ainda são um pouco diferente, apesar da causa dos dois vir da mesma fonte.
Não tenho muitos exemplos de sexualidade saudável e de como me colocar no mundo sendo bi. Não é sempre que consigo me simpatizar com a cultura gay e muitas vezes sou obrigado a escutar calado coisas desrespeitosas de lá, pois de alguma forma me torno mal resolvido se não aceitar o apagamento bissexual. Meu último ex por várias ocasiões me fez sentir invalidado e em outras ver o machismo no meio gay. Praticamente desisti de me relacionar com mulheres hétero pois sempre termina em frustração. Aqui é algo que provavelmente a maioria de vocês também passa, mas não posso nem contar com meus pais para desabafar sem muito provavelmente ouvir opniões mal informadas.
Não sei onde chegar com esse devaneio. Mas queria ouvir a experiência de você sobre ser bissexual ou até mesmo a visão externa de outros sobre a gente.
submitted by quantumsnakeoil to arco_iris [link] [comments]


2020.09.18 01:33 pullup__ O ser humano é podre e ridículo.

A mulher que me pariu estava enchendo a boca, numa conversa com a irmã dela, que é desapegada quando o assunto é homem. Que nunca segurou homem nenhum e que sabe lidar com fim de relacionamento. Mas o que ninguém sabe só eu pq descobri sem querer é que ela fez macumba para um namorado dela nunca abandona-lá. Tipo amarração. Como uma pessoa pode ser nojenta desse jeito? Mexendo com coisa que não conhece pra "segurar" alguém. Ela é um lixo de mulher e estou com nojo de ter saído dela
Saiba que quando eu conseguir ir embora, não volto mais. Não por vc
submitted by pullup__ to desabafos [link] [comments]


2020.09.17 12:55 1984stardusta Pronomes não seguem sexo, seguem gênero. Esta vítima é homem. Este rosto é de mulher.

Pronomes não seguem sexo, seguem gênero. Esta vítima é homem. Este rosto é de mulher. submitted by 1984stardusta to Brasilivrelivre [link] [comments]


2020.09.17 09:51 LeMrGrilo 4 da manhã e eu caindo no mesmo vício de sempre

Eu tenho um vicio, algo que surgiu de uma trauma durante a infância, hj tenho 22 anos e desde os 17 eu busco ajuda e tento lutar contra isso.
Contwxtualizando, sou homem, e a pornografia e masturbação entraram na minha vida muito cedo, fui abusado sexualmente aos 9-10 anos por um primo, lá pelos 10 anos comecei a ouvir de colegas meus que "olhar pornô é coisa de homem" entao eu comecei a duvidar da minha sexualidade, por que toda vez q eu via porno eu acabava vendo que eu fiz o "papel" que a mulher fez e isso trazia muita duvida pra mim, porém como diziam que assistir era coisa de "homem" e eu sempre me identifiquei como heterossexual mesmo tendo essas duvidas, eu mergulhei nesse mundo da pornografia de cabeça, e me afoguei nesse poço sujo, grotesco e sem fim
Comecei a notar que eu tinha problemas com pornografia aos 15 anos, quando entrei pra igreja e tbm tive minha primeira namorada, eu tocava no louvor da igreja, e me sentia realizado por ter alguem do meu lado, mas na mínima frustração que eu tinha eu acabava mergulhado novamente nesse vicio, e a cada video, a cada masturbação as tristezas, as frustrações, tudo piorava ainda mais, muitas vezes me masturbava antes mesmo de subir para tocar no altar da igreja.
O namoro acabou, e eu decidi focar nos meus estudos, comecei a fazer um curso preparatório pra o concurso dos meus sonhos, porém a cada frustração com matérias, eu buscava na pornografia e na masturbação um alivio e só piorava, veio a primeira reprovação, a segunda, a terceira, se eu nao esqueci nenhuma já foram 15 reprovações somando 4 concursos diferentes, e nessas 15 eu sempre preso a esse vicio que me atrapalha, cheguei até me masturbar pouco antes da prova algumas vezes.
Desde os 17 eu venho tentando parar, já entrei pra inúmeros grupos de NoFap, tentei inumeras técnicas, desde banho gelado, em pleno inverno gaúcho, até autohipnose com videos do youtube, porem eu me sinto atolado, afundado até o pescoço numa lama densa, pesada, nojenta, e que me puxa mais pra baixo, eu ja estive, totalmente afundado, entregue, mas ainda quero um dia conseguir me livrar desse vicio.
Por favor, eu entendo que pode ter gente dizendo que masturbação é algo comum e saudável, mas pra mim não, é algo que ja me feriu que ja me causou e causa ainda tanta dor que eu quero extinguir da minha vida, já estou acompanhado de psicologo e ainda estamos vendo o que fazer sobre isso e uma namorada que entende e me dá suporte psicologico referente ao vicio, nao tenho mais duvida da minha sexualidade, hj sou tranquilo com isso tbm, porém ainda tenho esse vicio que ainda busco acabar com ele, desculpa o desabafo longo
submitted by LeMrGrilo to desabafos [link] [comments]


2020.09.17 03:38 1984stardusta Homem faz luzes no cabelo e quer que o reconheçam como uma mulher que deu à luz à uma criança

Homem faz luzes no cabelo e quer que o reconheçam como uma mulher que deu à luz à uma criança submitted by 1984stardusta to Brasilivrelivre [link] [comments]


2020.09.17 02:34 IanAV1010 Qual o nome desse filme

Estou procurando, o nome de um filme de animação não muito antigo,(os personagens são meio furrys) basicamente na trama são dois reinos que são inimigos, um reino tem o povo com a coloração do pelo meio laranja e que destrói todo ambiente em volta do reino, e o outro reino é um reino com o povo de coloração de pelo azul, que vive no meio da floresta e é autossuficiente, tem dois personagens principais uma mulher do reino azul(não sei se ela é a princesa e o príncipe do reino laranja, basicamente a mulher salva o homem e eles se apaixonam, porém eles não podem ficar juntos pq são de reinos rivais, eu não lembro de mais nada do filme, mas no final eles derrotam o vilão com um beijo de amor verdadeiro.
submitted by IanAV1010 to filmeseseries [link] [comments]


2020.09.17 00:42 eli-chii Os prós e contras de fingir ser mulher na internet

Oiee!
Sou homem, adulto, mas finjo ser mulher na internet (em lugares como Discord, My Anime List, Omegle e diversos jogos online).
Não faço isso para ganhar itens em jogos online nem para receber atenção. Faço porque há algum tempo atrás percebi que tinha disforia de gênero e, como não posso ser mulher na vida real (por "n" motivos, mas não vou discutir isso aqui), na internet eu posso ser. E aí resolvi tentar fingir ser mulher. Gostaria de compartilhar com alguém, de forma breve, a experiência que tenho tido online.
Prós:
  1. Consigo conversar com alguém (tem muito mais gente querendo falar comigo).
  2. Recebo mais atenção (mas a maior parte dessa atenção vem de "escravocetas").
  3. Algumas pessoas querem me dar itens/presentes em jogos etc. Juro que nunca aceito (nem adiciono "escravocetas").
  4. Eu acho que sou mais respeitado quando finjo ser mulher.
Contra:
  1. Recebo MUITA atenção mesmo. Isso pode ser bom, mas na maioria das vezes é chato. Recebo notificações como "oi princesa aceita minha solicitacao vamo conversa" e isso é MUITO CHATO. Também recebo mensagens de muitas pessoas pedindo nudes, o que é mais chato ainda. Foto de piroca nunca recebi (ainda bem). Mas, na boa, isso é MUITO CHATO MESMO. Enche demais o saco.
É isso. Obrigado pela atenção.
submitted by eli-chii to desabafos [link] [comments]


2020.09.17 00:26 argonian867 Eu amo chupar pau, fodase

Sou mulher bissexual e tenho relacionamento com outra mulher bissexual, e o melhor é poder falar que amo chupar rola pra ela e ela ficar de boa pq adora homem tb kkkkkkkkkkkkkkkk
submitted by argonian867 to desabafos [link] [comments]


2020.09.16 23:31 rococo_toxic Enojado com uma certa comunidade

Eu já vi postarem várias vezes sobre a comunidade incel, mas tenho a impressão que as pessoas realmente não entendem o que é. Já faz anos que de vez em quando eu dou uma olhada nos fóruns só de curiosidade e acabo me emputecendo sem necessidade. Dessa vez senti a necessidade de desabafar... até para ver se eu largo de vez. Tinha um certo post justificando a atração masculina por meninas pré-adolescentes, com várias replys, uma em especial falando sobre a moralidade nunca ser algo fixo, podendo variar até na forma de que um homem se relaciona sexualmente com a filha bebê (dando a entender que a mulher é propriedade do pai até se casar). Não é a primeira vez que esbarro com esse tipo de post, já vi coisa bem pior. Isso me faz pensar que a forma que usam o xingamento "incel" é totalmente errada. Mas sinceramente... estou cansado dessa comunidade tóxica. E digo mais, espero que todos que pensem assim terminem sozinhos para sempre, porque não merecem amor nem de puta. Quem quiser que eu mande o post pode chamar na dm. É isso.
submitted by rococo_toxic to desabafos [link] [comments]


2020.09.16 19:29 plotino_ O meio acadêmico das humanas está completamente pirado com essa onda identitária

Eu conheço a teoria, a gente estuda isso. Contudo, as pessoas absorvem de forma mesquinha, individualista, e tornam tudo uma briga de egos escrota.
Exemplos: sou pobre, periférico e nordestino e recentemente uma professora rica, titular, berço de ouro, ganhando 25k por mês veio questionar o fato de eu, homem, estar falando de uma artista mulher. Como se não pudesse. Como se não fosse transgressor um pobre estudar e não fosse opressor ela, rica e branca, amassar um jovem periférico.
Da mesma forma, vejo todo mundo querendo falar das mesmas coisas: local da mulher, do gay, do trans, do negro... tipo, virou cadeia de produção de teses sem fim. Todo mundo fala exatamente o mesmo.
Cara, qual a identidade de um pobre suburbano que só se fodeu na vida? Será que as pessoas não olham a realidade desse país? Que é tudo muito complexo.
Se um pai negro casar com uma branca e o filho for mais claro que preto, mesmo sendo pobre fodido, ele não sofre opressão?
Como que a academia foi cair nisso pqp
Ninguém liga mais pra classe só para o próprio umbigo
submitted by plotino_ to desabafos [link] [comments]


2020.09.16 14:56 gabr66 Quer trabalhar?! Só com indicação

Como todo jovem universitário, precisamos de um estágio para começar com os contatos e aprender sobre o mercado de trabalho, pois bem, aqui estou atrás de um estágio, inglês fluente, técnico em administração, com breve passagem por uma profissão que não é na área, tudo certo e a mulher praticamente já disse que eu estava "empregado", até que o sobrinho do sujeito que já trabalha lá dentro aparece, e sem mais nem menos, pega a minha vaga, vejam bem, eu não sou melhor que ninguém, na verdade estou tão pra baixo que me sinto um lixo completo, e é assim que me olho no espelho todos os dia, mas mesmo assim é uma sacanagem tremenda nos 45 do segundo tempo, eu praticamente com o pé dentro do estágio, surgir o parente de alguém e pega a vaga assim, simplesmente ridículo. Sinceramente, vou começar a vender Pack na intenet (embora eu seja homem), não tem nenhuma salvação pra uma pessoa honesta nesse país, me sinto um completo lixo vendo minha namorada trabalhar todos os dias e eu aqui desempregado, me sinto que falho no papel que deveria cumprir, todo dia isso passa pela minha cabeça e a vontade de estourar os miolos surge, estou completamente pra baixo com vontade de largar essa merda de Direito e simplesmente ir pra fora do país. Caralho vai tomar no c#.
submitted by gabr66 to desabafos [link] [comments]


Mulher transando cm cavalo - YouTube Mulher engravidando homem Papisa - Homem Mulher @ Maloca  Lobotomia Homem & Mulher PAPISA - Homem Mulher Gênero (Homem x mulher) - YouTube Mulher domina homem - YouTube MULHER CANTANDO HOMENS - YouTube Homem-Mulher HOMEM MATANDO MULHER A FACADAS CENAS MUITO FORTES - YouTube

Mulher casada conhece homem pelo Facebook e é espancada ...

  1. Mulher transando cm cavalo - YouTube
  2. Mulher engravidando homem
  3. Papisa - Homem Mulher @ Maloca Lobotomia
  4. Homem & Mulher
  5. PAPISA - Homem Mulher
  6. Gênero (Homem x mulher) - YouTube
  7. Mulher domina homem - YouTube
  8. MULHER CANTANDO HOMENS - YouTube
  9. Homem-Mulher
  10. HOMEM MATANDO MULHER A FACADAS CENAS MUITO FORTES - YouTube

Provided to YouTube by The Orchard Enterprises Homem-Mulher · Itamar Assumpção · Bandaísca Intercontinental! Quem Diria! Era Só o Que Faltava! ℗ 2000 Atração Released on: 2000-10-01 ... A mulher emancipada e só, o homem sensível e inseguro Marcia Tiburi e Luiz Felipe Pondé - Duration: 51:20. Café Filosófico CPFL Recommended for you 51:20 Enjoy the videos and music you love, upload original content, and share it all with friends, family, and the world on YouTube. Mulher domina homem Mulher engravidando homem felp96. Loading... Unsubscribe from felp96? ... Mulheres com mioma no útero realizam o sonho de se tornar mães - Repórter Brasil - Duration: 2:18. Homem sendo executado pelo rival em Brejo dos Santos-PB - Duration: 0:34. Hyldo Pereira 1,232,350 views. 0:34. Homem matou a mulher com 7 facadas e não se arrepende.wmv - Duration: 1:05. TVWF William Fernandes 47,551 views. 1:05. Top 5 Bully Fight Scenes - Duration: 15:08. Trabalho de Sociologia sobre gênero. Qual será a reação de um homem ao ser ''cantando'' por uma mulher? No vídeo de hoje eu vou ''cantar'' os homens. Instagram: https://www.instagram.com/oharain... “Homem & Mulher” estátuas que se abraçam todos os dias, é uma escultura em aço com 8 metros de altura feita pelo escultor georgiano Tamara Kvesitadze. Localizadas na cidade costeira de ... Homem Mulher é um single lado B do álbum Fenda de PAPISA que integrará a versão Deluxe do disco, junto com outras faixas inéditas. Gravado por Desirée Marantes Mixado por Alejandra Luciani ...